Hollywood, não muchas gracias

Sabe aquelas entrevistas que fazem você virar ainda mais fã de um artista que já admirava muito? Vou recomendar a vocês uma dessas. O artista no caso, é Ricardo Darín, um dos nomes mais conhecidos do cinema latino. Em entrevista ao apresentador Alejandro Fantino, no Programa Animales Sueltos da TV argentina, o ator e diretor comenta sobre o fato de nunca ter se interessado em atuar por Hollywood por não aceitar a lógica que prevalece por lá.

Darín conta que chegou a recusar um convite do diretor Tony Scott, irmão do prestigiado Ridley Scott para atuar em um filme com Denzel Washington, no qual faria o papel de um narcotraficante. Esse tipo de papel foi um dos pontos que desagradaram o ator argentino e o fizeram recusar o convite. O fato de os atores latinos serem chamados, na maioria das vezes, para interpretar criminosos é algo que reforça estereótipos e o que o incomoda bastante.

“Hollywood não me tira o sono, o Oscar não me tira o sono. (…) Me criticaram muito por dizer que não tinha vontade de ir ao Oscar. Me perguntavam ‘mas como vai dizer que não tem vontade de ir ao Oscar? Você tá brincando!’ “Sim, não tenho vontade de ir no Oscar. Qual o problema” ? – contou ao apresentador.

O mais legal da entrevista é reparar na expressão de surpresa no rosto do entrevistador ao notar o desprendimento de Darín em relação ao dinheiro, prestígio e fama que Hollywood pode proporcionar. A reação do apresentador parece ser de espanto e admiração ao mesmo tempo.

Ricardo 1
Apresentador se surpreende com a postura de Darín – Reprodução Internet 

É realmente admirável a sabedoria e a leveza que ele transmite ao nos faz refletir sobre o que realmente deve nos fazer feliz na vida. A felicidade para ele está longe dos holofotes de Hollywood: se encontra em poder passar mais tempo com a família, em ser amado pelas pessoas ao redor, em trabalhar fazendo o que gosta, em ser fiel aos seus princípios. 

Ele faz também uma crítica ao excesso de desigualdade existente no planeta e diz se sentir  um privilegiado por ter conquistado tanta coisa em quanto muitos, infelizmente, não tem nem ao menos um prato de comida todo o dia. “Eu me sinto feliz, eu posso tomar dois banhos quentes por dia” – provoca.

Assista o vídeo com um trecho da entrevista com legendas em português e se inspire com o sábio Darín 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: